02/12/2020

Caixa volta a discutir a abertura de capital na área de seguros

Caixa volta a discutir a abertura de capital na área de seguros
Pedido de realização do IPO (oferta pública inicial de ações) iria concluir em abril, mas negócio esfriou com o avanço da covid-19

Partículas Seguro Nova Digital

A Caixa Econômica Federal anunciou que vai retomar as análises sobre a abertura de capital da Caixa Seguridade, um braço de seguros e previdência do banco estatal. Desse modo, a expectativa é que a área de seguros da companhia levante mais de R$ 10 bilhões com a operação. O anuncio ocorreu na última quinta-feira, 16, mas o pedido tinha sido feito em fevereiro.

O banco anunciou, em 12 de março, o fim do processo de IPO. Isso porque a pandemia do coronavírus avançava no mundo, causando incertezas no mercado financeiro. “Tudo é uma questão do impacto econômico e social da pandemia, e existe zero chance de abrirmos capital para vender a qualquer preço. Só faremos o IPO quando o mercado precificar o que achamos que vale”, disse, na época, o presidente da Caixa, Pedro Guimarães.

Durante o processo, a Caixa anunciou duas joint ventures: uma com a Tokio Marine, que toma conta da carteira de seguro habitacional, e a outra com a Icatu Seguros, para vendas de serviços de capitalização.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *