26/11/2020
Presidente da CNseg participa de webinar da Susep

Setor de seguros manterá expansão, mas depois sentirá impacto do vírus, diz CNseg

Por: Sérgio Tauhata, Valor

O impacto da pandemia do coronavírus no setor de seguros terá um efeito gradativo. Entretanto, o setor continuará em crescimento, mesmo sendo menor do que os anos anteriores. É o que disse o presidente da Confederação Nacional de Seguros Privados (CNseg), Marcio Coriolano, em entrevista ao Valor Econômico.

De acordo com o presidente da Confederação, o efeito “tende a ser mais duradouro em outras áreas e pode perdurar até o fim do ano”.

Para conferir o conteúdo completo clique aqui

A CNseg, assim como diversas seguradoras, vem adotando medidas para diminuir o contágio do Novo Coronavírus. Depois de adiar por tempo indeterminado a realização de eventos, a entidade adotou o regime de home office por duas semanas – até o dia 31 de março, prazo prorrogável – para colaboradores vulneráveis e em quarentena. É mais uma decisão para zelar pela saúde e bem-estar de seus funcionários, além de contribuir com o esforço para mitigar os riscos de contaminação da doença.

A partir da próxima semana, o home office será estendido para manter, na sua sede, apenas um regime de manutenção de serviços essenciais. Outras recomendações de autoridades de saúde e sanitária para evitar a propagação acelerada do Coronavírus foram adotadas pela CNseg. Entre outras, a suspensão de atividades que impliquem convivência de mais de sete pessoas; instalação de novos pontos de álcool em gel ou similar em vários locais da entidade.

Sendo assim, você pode debater sobre este e outros assuntos no grupo de WhatsApp da Seguro Nova Digital exclusivo para profissionais de seguros. Faça parte clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *