6 dicas para retomar a venda de seguros após a pandemia

6 dicas para retomar a venda de seguros após a pandemia
Saiba como retomar a venda de seguros utilizando os recursos que possui disponíveis e intensificando o investimento em outros

A pandemia mexeu com o mercado segurador. Alguns produtos – como o seguro auto – tiveram uma queda nas vendas, enquanto outros, como o seguro de vida, apresentaram um aumento na procura.

Isso aconteceu devido a um maior número de veículos parados na garagem e o aumento da preocupação com a saúde. Apesar de ter crescido a venda de alguns produtos, os corretores ficaram preocupados, pois, de forma geral, o mercado desaqueceu e a procura por proteções diversas despencou.

Com a retomada gradual das atividades econômicas, é hora de retomar a venda de seguros, entretanto, com a alta concorrência e diminuição de renda da população, será preciso adotar algumas estratégias.

Veja algumas dicas para retomar a venda de seguros e ter sucesso.

1. Diversificar nos produtos oferecidos

A pandemia fez com que houvesse mudanças nas necessidades dos consumidores e com isso surgiu interesse por produtos específicos.

Para continuar a vender será necessário ampliar o portfólio. Se antes trabalhava apenas com dois ou três tipos de seguro auto, agora deverá ter mais opções para que atenda ao público mais variado possível.

O seguro tradicional não é o único que deve ser oferecido. O seguro parcial contra roubo e furto, com serviços reduzidos, ampliados e até os que protegem sob demanda, como o auto pay per use, podem ser uma boa opção para retomar a venda de seguros.

2. Ter corretores que atuam como protetores

As informações sobre os seguros estão disponíveis na internet. É possível saber quase tudo que se precisa sem ter a ajuda de um corretor. Entretanto, esse profissional não deixará de ter importância, mas deve mudar a sua postura nesse novo momento.

Além de conhecer toda a parte técnica, o corretor será um agente protetor, aquele que presta todo o suporte para o segurado, que afirma que ele está fazendo a melhor a escolha e se mostra disponível sempre que esse precisar.

Mesmo com o uso de muita tecnologia, a relação deve ser mais humanizada. É preciso que o comprador sinta que o corretor é uma pessoa que está ali para ajudar.

3. Fazer a transformação digital para retomar a venda de seguros

A pandemia deixou evidente que muita coisa pode ser feita pela internet. Os meios digitais permitem obter informações e contratar e comprar todo tipo de produto e serviço que se possa imaginar.

A corretora e o corretor devem estar preparados para lidar com um mundo cada vez mais digitalizado, devem estar presentes nesse universo online. O atendimento deve ser feito de forma remota e à distância, assim como a venda dos seguros.

O uso do big data pode ajudar a obter informações sobre os clientes para melhorar a experiência no universo online e permitir que sejam realizadas ofertas que agradarão.

4. Vender de acordo com o mercado

Com a reabertura das concessionárias aumentou a procura por seguros de carros porque a venda de veículos aos poucos está retomando.

É preciso estar atento ao que acontece no mercado para que sejam oferecidas soluções conforme o momento. Esse é o tempo ideal para intensificar a venda de seguro auto, investindo nesse tipo de divulgação e captando clientes que pretendem comprar um carro.

5. Focar na produtividade

Para retomar a venda de seguros será necessário ter um foco na produtividade, ou seja, vender mais sem desperdiçar recursos, tempo ou pessoal.

A tecnologia será uma grande aliada nesse campo, porém, não é a única estratégia que deve ser pensada. Minimizar os gastos e fazer os investimentos corretos ajudarão a fechar as vendas. Por exemplo, em vez de investir no escritório físico que deve continuar com o movimento baixo por um tempo, pode ser mais interessante aprimorar o site ou redes sociais para atrair potenciais clientes.

6. Contar com o cross selling para retomar a venda de seguros

Existe uma confusão bastante comum quando se fala em cross selling, pois muita gente acredita que se trata de venda casada.

Na verdade, essa é uma estratégia que visa oferecer um mix de produtos que pode trazer vantagens. Seria como um combo que a pessoa pode ou não optar por ele.

Para isso será preciso que o corretor atue de forma humanizada e possa se aproximar do cliente para oferecer um produto que ele precisa.

Vamos supor que o cliente entre em contato buscando por um seguro residencial, mas demonstra que está preocupado em proteger todos os seus bens. É possível aproveitar a oportunidade para oferecer outros produtos como o seguro auto e de equipamentos eletrônicos para que ele consiga atingir seu objetivo.

Retomar a venda de seguros acontecerá de forma gradual, conforme o mercado for aquecendo, entretanto, se estiver preparado e com estratégias planejadas, isso acontecerá de forma mais rápida.

Partículas Seguro Nova Digital

   PARTICIPE DO GRUPO DE WHATSAPP PARA PROFISSIONAIS DE SEGUROS

Leia, por fim, a oitava edição da revista:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top