27/07/2021

Alper vai às compras e anuncia sete aquisições em três anos

Alper vai às compras e anuncia sete aquisições em três anos
Corretora promete continuar o ritmo de investimento em 2021 e destinar boa parte dos recursos em tecnologia e pessoas

Quando a Alper anunciou, em dezembro de 2017, a chegada de Marcos Couto como CEO, a expectativa era a de que o executivo liderasse a companhia numa nova guinada de investimentos. Três anos depois, a corretora expandiu a atuação em diversas áreas do segmento de seguros ao anunciar sete aquisições.

Em entrevista exclusiva à Seguro Nova Digital, Couto detalhou as negociações bem-sucedidas dos últimos anos e prometeu manter a velocidade em 2021 com o avanço de novas aquisições e investimento em tecnologia e em pessoas.

Seguro Nova Digital – Em três anos, a Alper anunciou sete aquisições, sendo quatro delas nos últimos seis meses. Recentemente, você revelou que continuará no mesmo ritmo. Qual foi o processo até a companhia assumir essa postura no mercado?

Marcos Couto – Nos últimos três anos nós realizamos sete aquisições (KB Consultoria/SP, Supera/SP, EcoVerde/PR,Transbroker/SP e CE, Vertex/MG, Next Marka/RS e Ferfi/SP), sendo que as quatro últimas ocorreram nos últimos seis meses.

Para este ano, continuamos de olho nas oportunidades para novas aquisições, além dos altos investimentos em tecnologia e pessoas, para uma melhor experiência do cliente. Toda a equipe está engajada em procurar soluções personalizadas para a necessidade de cada cliente. Este é um dos nossos diferenciais.

Temos foco constante em entregar crescimento orgânico e aceleramos através do nosso estruturado processo de M&A/Aquisição.

SND – A Alper é conhecida pelo seu foco em benefícios. Entretanto, as recentes aquisições mostram que irá expandir sua zona de atuação. Quais carteiras a companhia foca neste ano?

MC – Somos uma corretora de seguros completa, com um grande “expertise” e atuação destacada em Benefícios (Saúde, Vida, Odonto e Previdência).

Mas ao mesmo tempo as áreas de Seguros Corporativos (Ramos Elementares), Garantias, Linhas Financeiras, Seguros Massificados, Auto (Individual e Frotas) já representam 40% da Companhia.

Com as aquisições, além de reforçar nossa atuação nas principais linhas que atuamos, como citado acima, buscando expandir o portfolio e igualmente penetrar novas regiões. Foi assim com as recentes aquisições, que nos trouxeram Filiais em Curitiba/PR, Porto Alegre/RS e Fortaleza/CE.

Ao mesmo tempo, ampliamos fortemente nossa atuação em Seguros de Transportes e Agronegócios. Áreas que seguiremos investindo em diferenciais estratégicos e novas aquisições.

SND – Quais os benefícios que a empresa pode trazer ao mercado segurador ao se consolidar ainda mais nos próximos anos?

MC – Acreditamos que investimento em tecnologia e inovação são estratégias para se colocar à frente dos seus concorrentes. Por isso, desde 2019 a empresa iniciou um Programa de Aceleração de Startups, ação inédita entre corretoras e consultorias de seguros, já são 07 Startups aceleradas nos últimos 2 anos.

A nossa tônica é inovação, a Alper tem em seu DNA a inovação. Estamos na vanguarda não somente no programa de aceleração, mas também no desenvolvimento de sistemas para atendimento ao cliente e rotinas internas, além, é claro, da nossa Plataforma Healthtech, Dr. Alper –que já entrega Telemedicina, Telepsicologia e Telenutrição para os nossos clientes, de forma 100% digital, 24 horas por dia, 7 dias por semana, pelo celular. 

SND – A pandemia freou algumas negociações da Alper e, consequentemente, postergou o término dos acordos. No entanto, mesmo com a vacina, ainda passamos por um momento difícil. O que mudou do início do agravamento da covid-19 até o segundo semestre de 2020, quando as negociações se aqueceram?

MC – Num primeiro momento, assim como todas as empresas, nós tivemos que recuar para entender o que estava acontecendo e planejar como seriam as próximas ações. Feito isso, voltamos com mais força e apetite para alcançar nossos objetivos e realizar as aquisições que estavam programadas para o 1º semestre, e tiveram que ser adiadas para o 2º sem. Definimos nossas estratégias e atingimos nossos objetivos, chegando ao final de 2020 muito feliz com os resultados alcançados e com a equipe bastante motivada e engajada.

SND – O mercado segurador brasileiro ainda tem baixa penetração, principalmente em seguro de pessoas. Por que a Alper crê que isso pode mudar?

MC – O seguro é um produto de relevância para a economia global, que exerce a reparação de bens para pessoas e empresas, e é uma função nobre da qual as empresas e pessoas não deveriam abrir mão.

No Brasil, essa cultura vem se estabelecendo, pois as empresas e pessoas têm enxergado no seguro, sua principal e grande função, de reparar danos e até evitar incidentes futuros.

SND – Você é Diretor Presidente da companhia desde 2017, liderando diversas mudanças na empresa, inclusive de nomenclatura. Pode-se dizer que com essas aquisições a Alper passa pelo seu momento de mais mudanças na sua história?

MC – Desde que assumi o comando da companhia promovemos uma grande reestruturação, reorganizamos áreas e estruturas de negócios, atraímos excelentes profissionais para nosso quadro executivo, investimos pesado em tecnologia, e realizamos sete aquisições.

Além disso, realizamos uma captação bem-sucedida de R$ 80 milhões em 2019 e estamos, neste exato momento, realizando uma nova captação de R$ 110 milhões. Tais movimentos trouxeram investidores de primeira linha para nosso quadro de acionistas, como Brasil Capital, Pátria Investimentos, Leblon Equities e Índie Capital.

Seguimos listados na B3 (Bolsa Ações, sob ticker APER3) e em 2020 a nossa ação apresentou valorização de 11,9%.

Acredito que podemos sim, afirmar que vivemos um excelente momento, mas ainda temos muito, mas muito ainda para conquistar e somos obstinados e disciplinados para isso.

SND – Como é para você fazer parte disso?

MC – Eu sou uma pessoa inquieta, determinada e que adora grandes desafios.

Quando fui convidado a assumir a presidência da ALPER (antiga BR Insurance), eu sabia que o desafio seria muito grande.

Mas confiante no relacionamento que construí no mercado de seguros ao longo dos mais de 30 anos, minha bagagem anterior liderando grandes corporações como ACE/CHUBB e TEMPO ASSIST, e pensando no longo prazo, seria possível levar essa empresa a outro patamar.

Formamos um time incrível, e temos reforçado a corporação todo tempo com a chegada de brilhantes executivos que lideraram suas corretoras até sua aquisição.

Portanto, liderar à ALPER é algo que me motiva todo dia, e que me faz seguir com a mesma energia do meu primeiro dia na empresa! Temos um clima e pessoas incríveis e conquistamos em 2019 a o respeitado selo da GPTW (Great Place to Work).

Que venham os próximos anos, pois “os desafios/dificuldades foram feitos para serem superados” (Mauá), meu ídolo a propósito.

Partículas Seguro Nova Digital

   PARTICIPE DO GRUPO DE WHATSAPP PARA PROFISSIONAIS DE SEGUROS

Leia, por fim, a 13ª edição da revista:

Sergio Vitor, jornalista especializado em seguros

Jornalista e editor da Seguro Nova Digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *