19/01/2021

Fetransporte Brasil oferece solução gratuita para mais de 1500 corretoras e fecha 2020 no positivo

Fetransporte Brasil oferece solução gratuita para mais de 1500 corretoras e fecha 2020 no positivo
Assessoria é especialista em seguro de carga e tem foco no fortalecimento comercial das pequenas e médias corretoras
Leia a matéria em PDF

Uma empresa que aumenta a capacidade técnica e comercial das corretoras parceiras e as coloca no mesmo nível de competitividade das grandes companhias de corretagem de seguro de transporte do país. Essa é a missão da Fetransporte Brasil desde o início da sua operação em Santa Catarina há 18 anos. Em processo de expansão nacional, este ano a companhia priorizou o investimento em ações comerciais a fim de melhorar ainda mais o relacionamento com seus clientes.

Na análise de Rogério Bruch, Diretor Comercial da empresa, 2020 foi positivo pois viabilizou a implementação de projetos como o Fetransporte Brasil Conference (FBC 2020), primeiro evento online de seguro de transporte de carga do país, que contou com a participação de 2.300 pessoas. “Antenados com as necessidades dos corretores parceiros, apresentamos, em plena pandemia, números e informações inéditas referentes ao segmento, bem como as expectativas para o seguro de cargas no Brasil”, lembra.

Principais ações comerciais em 2020
  • Estruturação do time Inside Sales Estruturação do departamento de grandes riscos
  • Investimento num CRM de vendas moderno
  • Investimento em Business Inteligence
  • Inclusão de novos produtos no portfólio, como Vida, D&O, E&O e Bike

Presente em nove estados, a empresa permaneceu com seu plano de expansão territorial, principalmente no interior de São Paulo e nas regiões Norte e Nordeste no país. Bruch revela que para atingir esse feito, os departamentos de Inside Sales e de grandes riscos, responsáveis por essa distribuição, foram ampliados. Por isso, segundo o executivo, “foi possível abordar mais de 1.500 leads corretores de seguros”.

Rogério Bruch
Rogério Bruch

Ao oferecer soluções para mais clientes, a Fetransporte Brasil precisou fortalecer suas operações. Nesse sentido, a companhia redesenhou seus processos operacionais e ampliou os investimentos numa tecnologia própria de BPMS (Business Process Management System). Essa mudança teve o intuito de ajudar no atendimento qualitativo e quantitativo dos corretores de seguros beneficiários das ferramentas inovadoras da assessoria.

Ligando corretoras a seguradoras

Atualmente, a Fetransporte Brasil estabelece parceria com cinco das maiores companhias de seguro de transporte do Brasil. Por meio desses parceiros estratégicos, a assessoria cria uma conexão entre as corretoras de seguros com as seguradoras. Bruch afirma que esse relacionamento é inclusivo para os corretores, pois os colocam em nível  de competitividade com as outras empresas consolidadas. “A Fetransporte Brasil   é uma solução para a aprimorar a estrutura comercial do corretor, que só deve   se preocupar em ir até seu cliente e preencher a proposta”.

Conhecer Seguros

Luiz Fernando Barazzutti, Diretor Administrativo e Financeiro, esclarece  que o lucro da organização provém das seguradoras e, por isso, o corretor se beneficia dessa conexão gratuitamente. “Enriquecemos as condições comerciais dos corretores sem cobrar nada deles. Somos remunerados pelas seguradoras parceiras, que também acreditam no crescimento desses pequenos players”.

Em  meio à  pandemia, a Fetransporte Brasil traçou estratégias com o  intuito de permanecer prestando serviços essenciais para o desenvolvimento das pequenas corretoras. Barazzutti explica que, primeiramente, colocou toda o time de colaboradores em home office e deu condições para que pudessem trabalhar sem afetar a eficiência do resultado. Além disso, a assessoria participou do manifesto #NÃODEMITA, adotado por empresas que priorizaram a manutenção dos trabalhadores.

Luiz Barazzutti
Luiz Barazzutti
“Além de manter empregos, a empresa contratou mais”

Esse fenômeno aconteceu devido ao aumento de produção e da necessidade de mão de obra para suprir à demanda de transporte do mercado, que, mesmo com o avanço da covid-19 no país, continuou aquecido.

Barazzutti está otimista para 2021. “Nossa empresa é otimista por natureza. Nesses 18 anos de mercado passamos por grandes desafios, mas sempre saímos fortalecidos. Acredito que ano que vem será bem melhor e, com isso, a Fetransporte Brasil manterá seu planejamento de crescimento e de novas contratações”, conclui.

A expectativa do executivo tem justificativa. O balanço feito pela companhia neste ano foi positivo. Até setembro, a empresa cresceu 60% em prêmios emitidos em comparação com o mesmo período de 2019. Desse modo, para o ano que vem a projeção comercial é de um aumento de 70%, atingindo a marca histórica de R$ 50 milhões em prêmios de seguro de carga.

   PARTICIPE DO GRUPO DE WHATSAPP PARA PROFISSIONAIS DE SEGUROS

 

Sergio Vitor, jornalista especializado em seguros

Jornalista e editor da Seguro Nova Digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *