O que é e como atua o Cliente Oculto

O que é e como atua o Cliente Oculto
Resolução 382/20 estabelece práticas de servidores que passarão por potenciais segurados

A Superintendência de Seguros Privados (Susep) recorrerá a “clientes ocultos” na fiscalização de produtos e serviços de seguros, capitalização e previdência complementar. A Resolução 382/20 da autarquia federal estabelece, entre outras coisas, que as figuras serão servidores da casa que se passarão por proponentes ou interessados.

De acordo com a Susep, a Norma tem “o objetivo de verificar a adequação e a conformidade das práticas de conduta do ente supervisionado ou do intermediário à regulação vigente”. Desse modo, o dispositivo estabelece que o ente supervisionado ou o intermediário não precisa ser avisado sobre a atividade de supervisão do cliente oculto.

Grupo de Whatsapp Seguro Nova Digital

Em consulta pública ao mercado de seguros, publicada no dia 15 de agosto de 2019, a Susep sugeriu o uso do cliente oculto para fiscalizar o setor. Sendo assim, a solicitação ocorreu por meio de minuta de Resolução do Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP).

O documento dispõe sobre princípios a serem observados nas práticas de conduta adotadas pelas sociedades. Isso inclui: seguradoras, sociedades de capitalização, entidades abertas de previdência complementar e distribuidores, no que se refere ao relacionamento com o cliente, e sobre o uso do cliente oculto na atividade de supervisão da Susep, na forma definida por esta Resolução.

Por fim, você pode debater sobre este e outros assuntos no grupo de WhatsApp da Seguro Nova Digital exclusivo para profissionais de seguros. Faça parte clicando aqui.






©2024. Seguro Nova Digital, a revista online do mercado de seguros. Todos os direitos reservados.

Primeira revista digital do mercado segurador, a Seguro Nova Digital é o resultado de uma ampla pesquisa, baseada nas transformações do setor e dos consumidores. O veículo surge a partir da necessidade da criação de conteúdos exclusivos no ambiente online. Para atender a demanda de clientes e usuários de todas as idades, os meios eletrônicos dispõem de ferramentas peculiares que estimulam à leitura.

A praticidade diária, a capacidade de interação, o compartilhamento de ideias em pouco tempo e o apreço pelo meio ambiente são componentes que se alinham com as mudanças de hábito do consumidor e com o desenvolvimento do mercado de seguros.

Nosso objetivo é ser um meio efetivo de comunicação, com o público que a empresa deseja atingir. Queremos decidir pautas junto ao cliente, abrir espaço para interação entre corretores, ouvir opinião do consumidor final do produto/serviço, dialogar com os porta vozes das companhias, ser um canal de referência e oxigenação no mercado.

Para isso, além dos tradicionais veículos de comunicação (site, Facebook, Linkedin e Instagram), formaremos grupos de discussão e divulgação por Whatsapp, vídeos entrevistas, sempre enaltecendo à opinião dos corretores. Nossa missão é colocar a sua informação e sua marca no caminho do público-alvo.

Somos profissionais formados na área de comunicação: Jornalismo e Relações Públicas. Assim, por meio de uma análise de quatro anos do setor de seguros, entendemos que fazer um trabalho diversificado, de relevância e com grande expertise para o segmento é essencial àqueles que desejam contribuir para o mercado.