30/07/2021

Seguro Nova Digital – 15ª edição

Seguro Nova Digital - 15ª edição

Um novo jeito de pensar saúde no Brasil

O reajuste nos planos de saúde para o período de maio de 2020 a abril de 2021 foi de 8,14%, segundo a ANS. Anualmente, esse aumento afasta milhares de beneficiários e distancia aqueles que jamais tiveram acesso à saúde privada.

A redução dos desperdícios e das fraudes nos procedimentos médicos são fundamentais para equilíbrio do reajuste anual, para que ele se adeque com mais facilidade ao bolso do consumidor. Um dos casos que mais gera custos extras são as fraudes nas cirurgias de órteses e próteses trazidas à tona há seis anos numa reportagem do Fantástico. A denúncia em rede nacional levou à criação de uma CPI, mas não avançou para processos criminais.

A CPI não deu em nada, mas as redes especializadas na gestão desses equipamentos trabalham com o intuito integrar todas as vertentes do processo operatório, estreitando o relacionamento entre hospitais, fornecedores e médicos. É o caso da Inpart Saúde, líder no segmento com cerca de 800 mil cotações mensais. Não por acaso, a empresa é a capa desta edição, entrevistando o CEO Neto Carloni, que contou como a demanda da empresa aumentou ainda mais na pandemia.

Os desperdícios também são fatores determinantes para o aumento do preço nos planos. A telemedicina virou uma tecnologia fundamental para o atendimento médico primário, além de ganhar importância durante o período de distanciamento social. A lei de telemedicina completou um ano no país e também é tema das próximas páginas.

Para acompanhar esse momento de mudanças, uma entrevista exclusiva com Patricia Chacon, a nova CEO da Liberty Seguros. A executiva detalhou como sua gestão dará importância para os corretores de seguros.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *